Beijo de Língua (!)

lambida cachorro
  1. Yara says:

    Dra.Rita,desde já agradeço sua atenção! Estou desesperada,e depressiva,pois um cão mestiço/porte médio +ou- 1,2anos:que chamamos de Sansão… foi atropelado em frente a casa da minha mâe neste sabádo passado(Corumbá-N>Ig).Já levei ao veteriário na 2fra.,e ele quebrou 3partes da bacia…fenur e deslocou ossoda coxa…onde precisa de cirurgia ou morrerá;minha familia e eu somos pobres e não tenho 1.200,00RS pra opera-lo.Hospital CHIP DOR /dr Marcelo,(que acabei de fazer 3Raio x que me saiu por 150R$);acredito que já tenha ouvido falar,ele mandou que fosse na Rural-indicação=Dr Ricardo Ortop.vet da Rural…me cobrarão +600,00RS sem o medicamento, só de cirurgia 430,anestesista 120, triagem 30, ex.sangue compl. 30,mais filtragem talas…coisas que não entendi bem. Hoje
    depois de ouvir sua entrevista na Rádio 95,7 Sulamerica Paradiso…tive essa luz de te escrever e entrei no seu Facebook;pra pedir ajuda na cirurgia lá na Rural…qualquer desconto, ajuda com remédios o que for possivel,eu não tenho como pagar tudo isso,recebo apenas 1 salário e não gostaria de deixar o Sansão morrer aos poucos pois não tenho como sacrifica-lo…por Deus me mande resposta urgente ! Qualquer coisa que acalme meu coração…eu amo animais tenho 4 cães…um abraço Yara de Andrade …meu tel res. 21 26677064=Nova Ig.

  2. Rita Ericson says:

    Olá Yara,
    eu te recomendo entrar em contato com outras universidades também (UFF- 2629-9505/9509 Estacio – 24423525)
    O Hospital Veterinario Municipal também realiza cirurgias (http://www0.rio.rj.gov.br/ijv/clinica_cirurgica.shtm)
    Boa sorte!
    Mande Noticias
    Abraço
    Rita Ericson

  3. Lucia Barros says:

    Olá, dra. Rita:
    Com que frequência devo escovar os dentes do Feijão?? Procurei pasta dental específica e não encontrei em petshops. Ele detestou a ideia de escovar os dentes ( escovei somente com água e uma escova infantil macia
    e pequena). Não sei se estou fazendo certo e peço orientação.
    Abraços,
    Lucia Barros

  4. Rita Ericson says:

    Olá Lucia,

    quanto mais vezes você puder escovar, melhor.
    Você pode encontrar o creme dental no link http://www.bitcao.com.br/index.php?PUID=BSD
    Escovar sem o creme já é bastante eficaz.

    Abraço
    Rita Ericson

  5. ricardo rodrigues says:

    e verdade que a lambida de cao ou gato ajuda cicatrizar o machucado dos humanos

  6. Rita Ericson says:

    Olá Ricardo,
    não é verdade, pelo contrario, a boca dos animais é repleta de bacterias que podem contaminar o ferimento.
    Este é um dos mitos que precisamos explicar.
    Leia o texto: http://www.bichosaudavel.com/12-mitos-sobre-caes-e-gatos/
    Abraço
    Rita Ericson

Faça sua pergunta!

Já ouvi muita gente dizer que a boca dos cães e gatos é mais limpa do que a nossa, humana. Assim como também dizem para as crianças não beijarem seus animais porque é muito perigoso, eles têm a boca muito suja.

Afinal, qual é a verdade?

A boca de cães e gatos é repleta de bactérias, de vários tipos. Há bactérias que fazem parte da microbiota (flora) normal da cavidade oral e não causam prejuízos à saúde.

Mas também podemos encontrar a placa bacteriana acumulada na superfície do dente, causando gengivite, periodontite, favorecendo a formação do “tártaro” (cálculo dental) e um hálito horrível.

Os animais usam a boca como nós usamos as mãos. Logo, a variedade de bactérias é infinita e depende do que esteve na boca deles recentemente. É melhor nem pensar nas lambidas na calçada, animais em decomposição (os gatos adoram um besouro morto!) e até nas fezes.

Como a maioria das doenças é espécie-específica, isto é, não pegamos doenças de cães e gatos e eles não desenvolvem doenças humanas, criou-se o conceito de que a cavidade oral dos animais é mais limpa que a nossa. É possível pegar uma gripe de um beijo humano mas não através da lambida de um cão. Mas as bactérias da boca dos animais são capazes de causar infecções no seres humanos.

O ideal é sempre lavar as mãos e o rosto após uma sessão de carinho com seu bicho.

Mas uma pesquisa recente divulgada no jornal The Independent pode mudar esta história. Pesquisadores da Universidade do Arizona sugerem que micróbios que vivem no intestino dos cães podem ter um efeito probiótico nos humanos. Probióticos são microrganismos que fazem bem à saúde. Nossos corpos têm 500 tipos diferentes de bactérias que vivem dentro de nós, algumas são boas e outras não. As bactérias do bem mantêm nossos sistemas digestivo e imunológico em forma. Enquanto envelhecemos, perdemos várias dessas bactérias boas, o que influencia na nossa saúde.

O estudo concluiu que ter um cachorro e deixar ele te dar um beijão de vez em quando vai ajudar a repor os microrganismos do bem no seu corpo.

Isso não significa que podemos descuidar. O controle da placa bacteriana é extremamente importante para manter seu animal saudável. As bactérias podem invadir a corrente sanguínea e causar infecções em órgãos vitais como rins, fígado, articulações, pulmões e coração do seu cão ou gato. Por isso devemos escovar os dentes dos cães e gatos e fazer a remoção do tártaro com o veterinário, quando necessário.


Carregando..
 
 
focinho do cachorro
rabo do gato