Flatulência – a culpa é sempre do cachorro!

flatulencia

Todos se entreolham na sala…um certo constrangimento no ambiente…que fedor!

A culpa é do cachorro, claro!

Os problemas digestivos mais comuns em cães e gatos são a diarreia e o vomito, que sempre precisam ser considerados e tratados.

Mas e a flatulência? É normal?

Sim!

As bactérias que vivem no trato digestivo dos mamíferos, em harmonia, nos ajudam a digerir o alimento, mas produzem gás neste processo.

Só devemos nos preocupar com os gases, se estiverem ocorrendo em excesso.

As causas do excesso de gases podem ser:

1 -ingestão de ar

  • enquanto o animal se alimenta- aqueles glutões que engolem a comida em segundos
  • doenças respiratórias – ao se esforçar para respirar, a animal engole ar
  • alguns brinquedos – ao morder, acabam engolindo muito ar

2- excesso de produção de gás no trato digestivo

  • doenças intestinais
  • pancreatite
  • intolerância/alergia alimentar

Para definir o diagnóstico, pode ser necessário realizar exames complementares ao exame clínico, como ultrassonografia, exames de sangue, endoscopia/colonoscopia entre outros.

E como lidar com um animal que elimina muitos gases?

  • considere mudar a dieta – alguns animais são intolerantes a algumas fontes de proteína e carboidratos. Ao mudar a dieta, faça de forma gradual, em aproximadamente 1 semana
  • existem dietas terapêuticas – são muitas opções, com diferentes origens proteicas, sem cereais, para animais com problemas intestinais etc.
  • alimente seu cão mais lentamente – existem comedouros específicos para esta finalidade, mas podemos improvisar usando uma forma de pudim ou até mesmo espalhando a ração no chão
  • os probióticos podem ajudar muito, converse com o/a vet. que cuida do seu animal
  • algumas drogas podem ajudar (carvão ativado, simeticona) , mas é importante checar com o/a vet. que acompanha seu cão

Os gatos também podem eliminar gases, mas não costuma ser tão frequente quanto os cães.


Carregando..
 
 
focinho do cachorro
rabo do gato