Plantas Tóxicas – perigo doméstico

lirio_da_paz
  1. Tanea says:

    porque alguns cães as vezes comem fezes ?
    existem raças que fazem isso?Quais?

  2. Michely says:

    Como fasso para meu cão parar de comer fezes ?
    Oque posso fazer para ele parar de comer plantas venenosas que fezem mal a ele?

  3. Rita Ericson says:

    Olá,
    leia o texto http://www.bichosaudavel.com/coprofagia-comer-fezes/
    A raça que mais apresenta este comportamento é a Shih Tzu.
    Abraço
    Rita Ericson

  4. Rita Ericson says:

    Olá Michely,
    leia o texto http://www.bichosaudavel.com/coprofagia-comer-fezes/
    Afaste as plantas tóxicas do seu cão, é a maneira mais segura de evitar acidentes.
    Abraço
    Rita Ericson

  5. Isilda says:

    Michely tive uma pastora alemã que teve uma fase dessas, comia as fezes que encontrava (dela e do outro cão). O Vet inicialmente considerou possível uma deficiencia de minerais, mas depois que fiz a suplementação ela continuava. Descobri que era ansiedade (a 2ª opção dada pelo médico). Comecei a passear com ela que não tinha o habito de sair para rua. Passou!! Acabou-se a comilância de titica. rsrsrsrs

  6. Isilda says:

    Adorei a dica, Doutora. Não sabia que a jobóia podia ser nociva aos meus bichanos. Vou tirar de lá.

    Ah! A propósito: estou A D O R A N D O esse seu espaço.

    Maravilha!!!!

    Parabéns por seu trabalho!!!!

  7. Rita Ericson says:

    Obrigada pelo seu depoimento, Isilda!
    Os cães precisam ter estímulos, ver a rua, cheirar e interagir com outras pessoas e animais.
    Mesmo morando em casa com quintal, é fundamental levá-los para passear.
    Abraço
    Rita Ericson

  8. Rita Ericson says:

    Obrigada, Isilda.
    Eu também adoro este trabalho!
    Abraço
    Rita Ericson

  9. Silvio says:

    Tenho uma Poiter Inglesa, 4 anos, esta em tratamento com o quinto veterinário e nenhum conseguiu ter sucesso. Minha cachorra vem apresentando falta de ar, respira com dificuldade, ronca muito, pois suas narinas estão sempre obstruidas, a caixa toráxica esta bem dilada, o laberinto das orelhas inchão provocando falta de audição, fez diversos tratamentos com antibióticos (amoxilina 500) 12/12 hs durante 30 dias. A unica coisa que ajuda, mas por pouco tempo é o (diprospan) desincha. Fiz diversas pesquisas na net e acho que sei o que aconteceu. Gostaria de sua opinião! Estes sintomas apareceram quando colocamos piscina em minha casa e um dia flagramos ela bebendo água a noite, justamente era a noite que colocavamos CLORO na água, acredito que agora descobrimos o que ela tem, só não sei se é possível reverter este quadro, pois já faz 5 meses que estamos lutando para recupera-la e os veterinários sempre descartavam esta ipotese, mas eu acredito que é uma intoxicação. penelmonia química, como poderiamos proceder (tratamento recomendado) já fizemos Raio X, esta bem esbranquisado. Foi dado Vibramicina 100 mg 20 dias em 8/8 hs. Estamos apavorados. Por favor, nos ajude!! Obrigado

  10. Rita Ericson says:

    Olá Silvio,
    pelo seu depoimento, seria possível pensar em alergia respiratória/pneumonia reacional ao cloro.
    Mas além deste quadro não ser usual, acredito que após cessar o contato, o quadro deveria melhorar.
    Mande noticias
    Abraço
    Rita Ericson

Faça sua pergunta!

Quem tem bicho em casa sabe que de vez em quando eles adoram comer uma folhinha, uma flor ou um brotinho. Mas existem plantas comuns nas nossas casas que são extremamente tóxicas para cães e gatos.

A maioria das plantas tóxicas causa alterações gastrointestinais,
neurológicas e/ou cardiovasculares. As mais comuns são vulgarmente conhecidas como: ciclame, hera, lírio da paz, jiboia-prateada e cheflera,  sagu-de-jardim, mamona, amarílis, espirradeira, folha-de-veludo, tulipas, azaleia, maconha e teixo.

A ingestão do lírio, em gatos, pode resultar em doença renal grave.

O ideal é oferecer um vaso com grama ou erva-do-gato.

Também é possível plantar sementes (a venda nas petshops) para seu gato “pastar” sem risco de intoxicação.

Saiba mais, clicando aqui.


Carregando..
 
 
focinho do cachorro
rabo do gato