febre1
Todos sabemos que a febre é um aumento anormal da temperatura corporal.
Acredita-se que ela é uma tentativa do corpo para combater uma infecção.
A área cerebral que controla a temperatura do corpo responde a uma invasão por vírus ou bactérias, que por não suportarem a temperatura alta, podem ser destruídos.
A febre é diferente da hipertermia, que é um aumento da temperatura devido as influencias externas.
Quando um ambiente está muito quente e/ou quando o animal não consegue ficar ofegante nem suar, sua temperatura aumenta.
A hipertermia ocorre quando a temperatura ambiental está acima dos 30ºc, quando o animal fica dentro de um carro exposto ao sol ou quando se exercita demais.
Este quadro pode ser muito grave e até levar o animal a morte, chamamos de intermação (saiba mais, clicando aqui).
Nestes caso observamos o animal muito ofegante, com aumento das frequências respiratória e cardíaca.
Animais com febre não costumam apresentar estes sintomas.
A temperatura normal dos cães e gatos oscila em torno de 38ºc e 39,5ºc, mensurada através do termômetro, no ânus.
Existem termômetros modernos, digitais, que podem mensurar a temperatura corporal do animal, sem nem precisar encostar nele!
Quando conhecemos muito bem a temperatura normal da pele dos nossos animais, podemos desconfiar que ela está alta, mas a confirmação precisa ser feita através do termômetro.
As causas mais comuns são: infecções, inflamação, câncer, doenças auto-imunes e idiopáticas (causas não definidas).
Precisamos prestar atenção em sinais como prostração, falta de apetite, feridas abertas e quando os animais se escondem.

Os cães e gatos não costumam chorar ou reclamar de dor e/ou desconforto. Eles ficam quietos.
NÃO É VERDADE QUE A FEBRE DEVE SER AVALIADA ATRAVÉS DA TEMPERATURA DO FOCINHO!!!
O focinho variaentre úmido, seco, quente, frio de acordo com o ambiente que o animal está!
Na dúvida, leve seu animal para atendimento veterinário.
Leia mais →
gato dalmata

A sabedoria popular é passada de geração em geração e deve ser respeitada, mas atenção!

Muitas informações são falsas, sem nenhuma comprovação científica e devem ser esquecidas.

Quem não se lembra da vóvó que dizia: Manga com leite faz mal, mata! Que bobagem, este mito foi criado no tempo da escravidão para evitar que os escravos (que tinham muito acesso às mangas) tomassem leite.

Vamos aos mitos que devem ser esquecidos:

1- As fêmeas devem ter pelo menos uma ninhada antes de serem esterelizadas.

Não é verdade, elas não “sonham” com a maternidade nem experimentam prazer no ato sexual, como as mulheres. A reprodução é o único objetivo. Pelo contrário, as fêmeas esterelizadas precocemente correm menos risco de desenvolverem tumores de mama e infecções uterinas.

2- Focinho quente e seco é sinal de febre.

A temperatura do focinho pode variar de acordo com (mais…)

Leia mais →
lamber ferida

Escute aqui a minha participação no Programa Hora do Blush, com Isabella Saes no dia 08 de junho de 2011.

O assunto foi  “Mitos sobre Cães e Gatos – parte I”.

Clique no Play de cada bloco para ouvir o programa na íntegra.

Leia mais →
Carregando..
 
 
focinho do cachorro
rabo do gato